IMG_9803

Marketing para cafeteria offline

Foto: Bruno Regert

As cafeterias, especificamente as que trabalham com café especial, estão ganhando cada vez mais notoriedade e clientes fiéis no Brasil. Curitiba (PR), sede da Argenta Cafés, é conhecida como a Seattle brasileira de tanto que a bebida ganhou espaço por aqui. Siga com a gente para conferir nossas dicas de marketing para cafeteria.

Cafeterias de Curitiba que se sobressaem

Lembrando que as dicas que passamos nesse texto são um complemento a outro blogpost, no qual abordamos as dicas de marketing para cafeteria no aspecto online, com atuação no marketing digital.

Dessa vez, nossos tópicos abordarão assuntos que dizem respeito ao marketing para cafeteria off-line, seguindo conhecimentos que passamos aos clientes de consultoria e que testamos na prática no nosso coffee studio.

As medidas terão um impacto muito positivo no seu negócio, atuando no fortalecimento e divulgação da sua cafeteria. Confira!

1. A importância do ponto de venda no marketing para cafeteria

Vamos começar pelo começo! O ponto de venda, ou seja, o local onde será o seu negócio precisa ser bem escolhido, levando em consideração o público que mora ao redor, a movimentação da rua, facilidades como estacionamento para bicicletas e proximidade a locais onde é possível estacionar carros, acessibilidade para portadores de necessidades especiais, entre outros aspectos que fazem o ponto brilhar no meio de tantas cafeterias …

Na sequência, é preciso investir na beleza e funcionalidade da cafeteria. Você pode contratar um profissional especializado nisso, ou então ter grandes ideias no Pinterest, procurando cafeterias ao redor do mundo e analisando suas estruturas externa e interna.

Claro que a fachada tem uma importância grande no aspecto de marketing para cafeteria. É ela que faz o convite para o cliente da rua entrar, ou até mesmo para quem está procurando seu negócio no Google Maps.

É muito interessante você usar a calçada para anunciar novidades, descontos e especiais do dia em placas escritas à mão! Claro, desde que permitido pelos órgão de urbanismo local.

2. De olho na comunicação e no espaço interno

Além de ser aconchegante e organizado, o espaço interno da cafeteria pode contar com alguns diferenciais como tomadas ao alcance dos clientes. Isso porque muitas pessoas utilizam as cafeterias para trabalhar e assim podem levar seus notebooks para lá e carregar o celular.

Outra questão importante é a vitrine de produtos, que precisa ser bem iluminada e ter uma boa rotatividade para que o cliente sempre possa pedir algo fresco. Ofereça promoções para impulsionar a venda do estoque ou se livre do que não está sendo consumido, não deixe por dias lá!

Aqui também é importante ressaltar o papel dos avisos internos no marketing para cafeteria. Você pode usar plaquinhas e pontos estratégicos, como o caixa, para vender produtos pequenos e chamar a atenção.

3. Incentive a fidelidade do cliente

Manter um cliente é muito melhor do que ficar atraindo novos clientes o tempo todo! Portanto, uma estratégia de marketing para cafeteria fundamental é oferecer benefícios aos clientes que sempre retornam.

Além disso, esses benefícios também podem ser um chamariz para novos clientes que serão impactados com o valioso marketing da indicação. Um cliente satisfeito sempre indicará seu estabelecimento a um amigo!

Faça um cartão de fidelidade que pode ser carimbado a cada vez que o cliente comprar na cafeteria e no fim de tantas vezes ele ganha um café, por exemplo. O  cartão pode ser virtual, com o controle realizado apenas pelo CPF do cliente, ou ainda por aplicativo.

4. Aumente o consumo oferecendo refil

Mais uma estratégia de fidelização! Uma ótima ideia para promover o marketing para cafeteria é desenvolver um produto que tenha refil. 

Isso pode ser feito adicionando uma porcentagem em cima do produto (que obviamente deve ser inferior a 100%) como alternativa à opção tradicional. 

Aqui também entra a estratégia de pacote de refil mensal. Ao pagar determinado valor promocional, o cliente tem direito a tantos cafés por mês.

5. Faça diferente e ofereça degustações 

Uma excelente estratégia de marketing para cafeteria é oferecer degustação dos produtos novos e de trocas de cardápio.

Você pode aproveitar o verão para vender mais bebidas geladas, tipo cold brew, e, no inverno, as quentes. 

Com as degustações você ainda poderá vender acompanhamentos! Calcule o que é proveitoso para o seu negócio e saia no lucro.

6. Compile tudo em um plano de marketing

Agora que você já sabe tudo que precisa para ter uma ótima atuação no marketing para cafeterias, é hora de registrar tudo! O plano de marketing deixará estruturado como sua cafeteria vai ofertar produtos e serviços. 

Nele, você irá listar e detalhar os 4 “Ps”, um conceito clássico, mas ainda super importante quando se fala em estratégia de marketing, os famosos pilares Produto, Pontos de Venda, Promoção (Comunicação) e Preço. Inclua a descrição dos seus produtos e serviços, sua qualidade e utilidade, inovações, diferenciações e diferencial. 

E aí, gostou das dicas? Esperamos que você possa aplicá-las no seu negócio gradualmente!

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Open chat
Como podemos te ajudar?