Boas-Festas-2

Cosméticos à base de café fazem sucesso, conheça!

Se você acha que o café é bom somente para o seu paladar e para te deixar de bom humor, você está enganado! Por ser naturalmente rico em nutrientes benéficos à saúde, as aplicações do café vão muito além da bebida e podem garantir diversos resultados positivos para a indústria da beleza. Cosméticos à base de café têm ganhado cada vez mais espaço no gosto dos clientes e no mercado.

A tendência de produtos de beleza produzidos com produtos naturais é uma realidade. Hoje o consumidor busca agredir menos o meio ambiente e a própria saúde, deixando de lado shampoos, condicionadores, cremes, hidratantes, esfoliantes, sabonetes e outros cosméticos manipulados com ingredientes sintéticos. Para se ter uma ideia, o óleo mineral amplamente usado na indústria da beleza é à base de petróleo e demora muitos anos para se decompor.

Apesar de ainda ser recente o sucesso dos cosméticos à base de café, já no século XIX os russos ofereciam em casas de banho, grãos de café para massagem. A ideia era esfoliar levemente a clientela. O efeito detox oferecia uma pele brilhante e muito mais hidratada, devido aos óleos naturais do café.

Cosméticos à base de café utilizam quais propriedades do grão?

O café é um antioxidante natural que ajuda a retardar o envelhecimento da pele. Além disso, contém uma substância que pode ser base para proteção solar. 

Seus componentes auxiliam na prevenção do fotoenvelhecimento, um processo que decorre da formação de radicais livres quando a pele entra em contato com a radiação ultravioleta. Por isso, auxilia na prevenção e no tratamento de manchas de pele. A estrutura molecular do óleo do café tem afinidade com a gordura da pele, protegendo-a das ações do tempo

Os cosméticos à base de café também são ótimos redutores de medidas e eliminadores de celulite. Isso acontece porque a cafeína provoca um aumento de queima de gordura na célula, não deixando as células que formam a  celulite se acumularem. 

A cafeína presente nos cosméticos à base de café também tem a potência de transformar a gordura em ácido graxo e glicerol, o que auxilia na expulsão dos excessos na célula. 

Com as cascas de café moídos e as cascas dos grãos, que possuem agentes naturais instigadores da renovação celular e circulação sanguínea, é possível manipular esfoliantes. 

O café conta com propriedades diuréticas que eliminam o líquido biliar que se forma na cavidade e tecidos musculares, auxiliando na eliminação das estrias.

A calvície também pode ser combatida pela cafeína, por conseguir penetrar na barreira da pele. Ela inibe a enzima 5 alfa-redutase, responsável pela produção do hormônio DHT, que deixa os fios mais finos e causa a queda do cabelo. Segundo pesquisa da Universidade de Lubeck, a cafeína pode aumentar em 25% a velocidade de crescimento do cabelo.

Como funciona a produção de cosméticos à base de café?

Muitos produtos são elaborados com o óleo e a “torta” do café, uma biomassa gerada pela prensagem dos grãos verdes. A torta é um exemplar esfoliante vegetal, mais usado em sabonetes e cremes.

A empresa de Pinhais, no Paraná, Heide Extratos Vegetais, utiliza os grãos de café verde para a produção de insumos cosméticos doseados em polifenóis totais, reconhecidos marcadores de atividade antioxidante, um deles é o Extrato Oleoso de Café Verde, utilizado na indústria cosmética.

Para as empresas brasileiras, existe matéria-prima de sobra! O sul de Minas Gerais é a região que mais produz café no mundo e é onde fica localizada a Kapeh Indústria Cosméticos e Cafés Especiais.

Sob a liderança da Kapeh está a empresária, farmacêutica e bioquímica Vanessa Vilela, que em 2012 foi nomeada Young Global Leader (YGL), pelo World Economic Forum. 

A Kapeh, cujo nome significa café em Maia, conta com uma linha completa para pele, cabelo, corpo e banho para homens, mulheres e adolescentes. Além disso, inovaram ao criar perfume proveniente da florada de café, difusores e aromatizadores de ambientes. Vale a pena conferir!

E aí, ficou interessado? Por que você não investe em cosméticos à base de café e nos conta o que achou?

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email
Open chat
Como podemos te ajudar?